sexta-feira, 2 de julho de 2010

P.44 - Finalmente o Dia do Churrasco

Depois de muitas reuniões ao longo de três meses para definir o churrasco na Casa de Campo do Peixoto, lá foi o Bando até Medas, regulado do nosso camarada e amigo e convidado de honra, o régulo Carvalho II, também regulo de Mampatá. Fomos recebidos com todas as honras pelo dono da casa, onde fomos chegando aos poucos, devido à sempre complicada vida do Biochene, que à última da hora resolveu ter de ser neste dia, que iria tirar o barulho ao carro. Meia hora na oficina e o barulho continuou.
Mas as coisas são assim mesmo, menos para o Quintino Monteiro, que estava cheiinho de fome e nem a Sangria aparecia.
Os Cozinheiros de serviço Teixeira Portojo e Soares estavam preocupados pelas ausências demoradas, pois não sabiam quando deveriam pôr a carne nas Brasas.
O último a chegar foi o régulo Carvalho, à esquerda, que como de costume estava feliz da vida. É que copos e rancho junto a convívios é com ele.
Mesmo sem a Sangria à mesa, o pessoal estava feliz da vida. O Bacalhau estava quási a ir-se e venha a xixa
Tudo sereno. Dias, Soares e Biochene.
O dono da casa observa para que nada falte. O Carvalho não pára.
A casa é como um palco, CD's por todos os lados, música a rodos. E a Sangria não chegou.
Um passeio pelo território para desgartar
Mas aquilo são sobes e desces que nunca mais acabam.
O nosso Presidente Nandinho Teixeira quási precisava de uma grua para chegar ao cimo da montanha.
Depois de um lanche de Picanha muito bem passada e finalmente com a sangria à mesa, fomos até ao bar para as últimas conversas e o digestivo. De águas para muitos. De bagaço para mim. Já o Dias e o Soares tinham desandado, bem como o Carvalho. Mas esse tem os assuntos do regulado para tratar.
A paísagem é belíssima, mas tivemos de recolher aos nossos quartéis, deixando ao Peixoto o resto da Sangria.
No entanto, ele fez questão que gravássemos este vídeo, especialmente dedicado ao Guerreiro, de quem já há muito tempo não temos notícias. Escreve ó Canadense...
Um abraço
video

6 comentários:

  1. Mais respeitinho com o presidente ou vai tudo dentro, e não é Nandinho é jota, ou vai tudo p'rá choça.
    E mais não digo porque a reportagem seria quase perfeita, se fosse perfeita. É o que faz quando se trabalha com mánicas dos 300.
    Abraços um a um.
    cumprim/jteix

    ResponderEliminar
  2. Gostei demais deste video...
    Um lindo lugar.
    Beijos.

    ResponderEliminar
  3. Para mim, Teixeira e amigos de Medas esta quinta-feira dia de churrasco universal,para mim foi o melhor convivio do mundo,superou e de longe a tabanca de matosinhos.Diz-me Teixeira quando é o proximo? parabens,tudo correu ás mil maravilhas.Um abraço para todos os presentes da churrascada.
    Quim Soares

    ResponderEliminar
  4. Não há dúvida que foi uma reunião-convívio e pêras.(Que por sinal não houve, fruta foi só cerejas e ameixas.)O tempo passou com demasiada pressa e só quando o chamado lusco-fusco chegou é que a rapaziada a muito custo lá resolveu regressar a quarteis e dar algum descanso ao Peixoto e família. Foi tudo maravilhoso incluíndo a paisagem.
    Um grande abraço para todos e até à próxima!
    Adriano Moreira

    ResponderEliminar
  5. Continua a falta de respeito.
    Isto é alguma brincadeira ó admor?
    Então não havia peras, havia e de respeito?
    Ó Soares, antecipando-me já à suposta resposta do Teixeira (o outro, o Portojo) isto é como o Natal, é quando a gente quiser, não há mé nem meu mé, p'rá frente é que é o caminho.
    Um abraçalhão
    cumprim/jteix

    ResponderEliminar
  6. Amigo Teixeira.
    Desculpa de só hoje te responder aos teus emails mas o futebol tirou-me o tempo todo mas está a acabar.
    Agradeço-te todos os videos e as belas fotos do Porto, pois mesmo longe me lembro sempre do nosso Portugal,
    que embora não seja o mesmo de quando eramos mais novos, mas é e será a nossa terra, mesmo distante.
    Este mês vou-me reformar, e para o ano aí estarei para fazer uma visita à malta.
    Não vou antes porque é perciso ir dar uns tirinhos quando a caça começar, para não se perder a praticar de apertar o gatilho .
    Por hoje é tudo abraços para toda a malta e para ti.
    Luís Guerreiro

    ResponderEliminar