quarta-feira, 8 de março de 2017

206 - Dia do Sável no Vigário

Usando vários meios de transporte, os Bandalhos foram chegando ao Vigário, à hora marcada.
 Nota-se que há algumas alterações nos terrenos circundantes.
E é bonito ver as nuvens reflectidas nas águas do Douro. 
 Encontro dos compadres de Penafiel, mais o Xico Silva e o Zé Catió.
Dividem-se conversas enquanto fazemos horas para nos atirarmos aos bichos.
bla, bla,bla.
Estar em pé custa um pouco ao Bandalho repórter, o sr. Secretário general. Por isso, fazem-se umas fotos para a reportagem mesmo sentado e é o que der
Por isso, fazem-se umas fotos para a reportagem mesmo sentado e é o que der. O Edu Campos em grande estilo
O Encarnação à procura de belezas que hão-de enfeitar as suas páginas e as de alguns grupos.
Meia família na foto.
 Ricardo e Xico
 Edu Campos a tomar conta da roupa estendida no arame.
 Castro Neves e Peixoto compadre
 Uns de frente e outros de costas
O Senhor Presidente em grande estilo manda arrancar o pessoal
Azeitonas, pataniscas de bacalhau, presunto e salpicão, abrem com fanfarra a refeição.
O Senhor Presidente explica como correu o acto ( ou será ato ? ) eleitoral do dia 30 de Fevereiro (ou foi a 29 ?)
Para o caso não interessa nada, mas o resto fica para depois...
Coube ao Fozense Tavares a partilha do arroz de hortos.
Finalmente uma parte do "Bicho".
Segundo a administração Vigário, foram apresentados 4 bichos com o peso de cerca de 15 Kg.
Dispensámo-nos de divulgar o consumo etílico. E o Sr Presidente este mês não se pode queixar de mau tratamento ao Saco Azul.  
Fernando Silva é o mais novo elemento Bandalho. Encontrou-nos no Facebook e afinal chegamos à conclusão que o Alberto é seu conhecido. Bem vindo camarada.
bla,bla,bla...
De Vila Real vieram o Fernando Súcio e o Moreno. 
Aspectos parciais antes do Bolo
Amigos e Camaradas só no Bando. O Valdemar chegou mesmo em cima da hora.
Eis o Bolo, de camadas com recheio de baunilha e morango. Bem ornamentado.
O Senhor Presidente retomou a explicação do dia das eleições.
E prontos. Até ao ano. Um abraço a todos os camaradas estejam onde estiverem.
A Ortografia utilizada foi aquela que estava mais à mão.